Terça-feira, 10 de Janeiro de 2006

FALAR E ESCREVER TEM REGRAS

falarescrever.jpg

Falar e escrever tem regras
Que não podem ser esquecidas
Não as sabes bem sabidas
Falas e escreves às cegas.

Por isso é que não atinas
Com versos de mais ninguém
Sejam quais forem as rimas
Nunca te parecem bem...

E escrevas o que escreveres
Não sabes se está errado
Nem se diz bem o que queres
E assim andas enganado...

E as palavras, eu te digo,
Sejam escritas ou sonoras
Nunca são enganadoras
Os enganos estão contigo...

Uma observação bem feita
Não põe defeitos a nada
Só um cretino rejeita
Uma ajuda apropriada.

Não queiras ser um cretino
Pensa com discernimento
Não percas um só momento
Para agir com algum tino!

publicado por Abel às 20:30
link do post | comentar | favorito

.pesquisar

 

.links

.Outubro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. LÍNGUA PORTUGUÊSA

. PORTO CAMPEÃO

. CABEÇA LEVANTADA

. AOS QUE VÊM LÁ DO LESTE

. AS HORAS

. PRIMAVERAS

. POEMAS DE RIMA CERTA

. UM LAMPIÃO

. A CHUVA

. O ENCURVADO

.arquivos

. Outubro 2015

. Novembro 2006

. Setembro 2006

. Maio 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

.tags

. todas as tags

.subscrever feeds