Quarta-feira, 6 de Setembro de 2006

CABEÇA LEVANTADA



Ninguém é mais abençoado
Que a pessoa que levanta bem
A cabeça e anda por todo o lado
Sem se esconder de nada
Porque nada deve a ninguém
Em sua vida abençoada!
publicado por Abel às 21:46
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 16 de Março de 2006

PRIMAVERAS



Com ar muito prazenteiro
E atenção interessada,
Perguntei a um companheiro
Que encontrei em plena estrada
- A sua graça qual é?
- De meu nome sou José,
Aqui e em várias paradas,
Setenta e tal Primaveras
Mais brandas ou mais severas
De vida levo contadas!
Respondeu logo ligeiro
Aquele meu companheiro
De conversas costumadas!!!
publicado por Abel às 14:50
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 14 de Março de 2006

POEMAS DE RIMA CERTA



Eis aqui um rimador
De sílabas bem contadas
Medidas e acertadas
Sempre com muito rigor.

As palavras que rebusco
Encontro na minha mente
Umas vezes de repente
Umas outras com mais custo.

Ouço nas rimas perfeitas
Certo som de melodia
Que me transmite a alegria
Das coisas que são bem feitas.

A um certo seu amigo
Que os pauis,diz o Pessoa,
Não são poesia boa
São palavras sem sentido...

E eu digo que o verso branco
Se não for especial
É um verso que soa mal
É um verso que vai manco;

Que o verso de pé quebrado
Sem rima ou simetria
É cantor desafinado
Que arruina a cantoria;

Que os versos ditos geniais
Só são versos de primeira
Se escritos por mão certeira
Nas regras gramaticais.

Daqui eu lanço o alerta
Do rimador que reage,
Honrando o nosso Bocage
Com poemas de rima certa!
publicado por Abel às 14:43
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Sexta-feira, 10 de Março de 2006

UM LAMPIÃO



Caminho na escuridão
E a mim mesmo me alumio
Pareço um vivo lampião,

Como uma vermelha luz
Aqui dentro do meu peito
O meu coração reluz

E desejo ardentemente
Que alguém que não fosse afoito
E se perdesse na noite
Visse esta pequena luz!
publicado por Abel às 15:24
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 1 de Março de 2006

O ENCURVADO

encurvado.gif

Por que é que ando encurvado
Como quem sobe uma encosta
No pensamento esgotado
Inda procuro a resposta.

O peso da desventura
Que carrego sobre o peito
Empresta-me este jeito
Em forma de curvatura.

Faço força e com espanto
Fico a olhar pró meu peito
É que o peso pesa tanto
Que nem sequer me endireito.

Abel
publicado por Abel às 15:28
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 9 de Fevereiro de 2006

QUEM MUITO FALA...

quem muito fala

Quem muito fala pouco acerta
É uma verdade certa
O que diz este ditado
Mas um outro se lhe iguala
Nem sempre quem pouco fala
Fala pouco e acertado...

Se falar muito é sempre defeito
E falar pouco é ser ponderado
Então o tolo é um mau sujeito
E o inteligente é bem comportado!

publicado por Abel às 15:17
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 6 de Fevereiro de 2006

PALAVRA PUXA PALAVRA

palavrapuxa.gif

As palavras mais não são
Do que pedras colocadas
Aos olhos do cidadão
Pra que sejam superadas...

Durante os dias de saldos
Em que o correr se faz louco
Será bom parar um pouco
Pra pensamentos mais altos.

Nenhuma das lojas vende
Barata ou cara a bondade
Mas quem a esta se prende
Conhece a sua verdade.

Podem transplantar-se bem
Os humanos corações
Mas bondade só a tem
Quem traz Deus nas pulsações!

publicado por Abel às 13:34
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Domingo, 5 de Fevereiro de 2006

OS ANÕES MENTAIS

bicosdepes.gif

Há lá maior desventura
Que anões em bicos de pés
Lutando contra o revés
De sua baixa estatura?

Há: são os anões mentais
Feridos pla realidade
Que lutam contra a verdade
Quais feras irracionais!

publicado por Abel às 18:36
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 2 de Fevereiro de 2006

COMO CALHA



Muitos que fogem de mim
Numa nuvem de cegueira
Não sabem que é só de si
Que fogem a vida inteira...

Os que em cima já se encontram
Em cima não se colocam
A ti que já estás em baixo
Pra baixo não te deslocam...

Entre esta gente estou só
Só e bem acompanhado
Melhor fico a sós comigo
Do que tendo um inimigo
Aqui sentado a meu lado...

 

publicado por Abel às 15:37
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 1 de Fevereiro de 2006

DUAS QUADRAS



Um livro ou folhas de papel nas minhas mãos
São as pedras de dominó que tens nas tuas,
São canas de pesca dalgumas criaturas,
São as cartas de jogar doutros cidadãos...

Ler é o melhor que faço na vida
A leitura me traz paz e alegria
Combate o desespero e a agonia
Mantém-me de cabeça sempre erguida.
publicado por Abel às 15:15
link do post | comentar | favorito

.pesquisar

 

.links

.Outubro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. CABEÇA LEVANTADA

. PRIMAVERAS

. POEMAS DE RIMA CERTA

. UM LAMPIÃO

. O ENCURVADO

. QUEM MUITO FALA...

. PALAVRA PUXA PALAVRA

. OS ANÕES MENTAIS

. COMO CALHA

. DUAS QUADRAS

.arquivos

. Outubro 2015

. Novembro 2006

. Setembro 2006

. Maio 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

.tags

. todas as tags

.subscrever feeds